Os Benefícios do Chá Verde e do Chá Branco


Durante séculos o chá verde tem sido considerado no oriente como bebida saudável. Depois da água é a bebida não alcoólica mais consumida no mundo. Há muitos mitos em cima do chá verde, hoje considerado como alimento funcional, que quando consumido no cotidiano pode trazer benefícios á saúde.
Existem vários tipos de chá: o preto (indiano), o verde (japonês e chinês) e o preto chinês, mas a maioria dos experimentos demonstrou efeitos antimutagênicos e anticarinogênicos do chá preparado na forma verde, além do chá branco.
Tanto o chá verde e o chá branco são produzidos a partir de um processo químico de oxidação (incorretamente chamado de fermentação) das folhas de uma planta chamada Camelia sinensis. Entretanto, a diferença entre estes dois chás é que o chá branco é colhido quando as folhas ainda estão bem jovens, ou seja, o que diferencia é quando as folhas desta planta serão colhidas. As pesquisas indicam que o chá branco, por ter as folhas mais jovens, possui maior concentração de catequinas, que são as principais substâncias ativas do chá branco e do chá verde. Porém, vale ressaltar que os estudos sobre o consumo de chá branco em humanos são escassos.
O chá verde e o chá branco aceleram o metabolismo, e também são fontes de vitaminas, como: C, B1 e B2.  Ricos em vitamina K (nutriente essencial para coagulação), assim como compostos antioxidantes como flavonóides responsáveis por controlar e prevenir certas doenças. Portanto, o consumo regular de chá verde oferece diversos efeitos protetores ao organismo, devido à redução do processo inflamatório de uma maneira geral, auxiliando na prevenção do desenvolvimento de doenças crônicas como o câncer, diabetes e doenças cardiovasculares, redução do processo de envelhecimento, controle da pressão arterial, além do poder de auxiliar na perda de peso (devido ao seu efeito termogênico comprovado), quando associado a outras mudanças na alimentação e hábitos de vida.
Devido ao chá verde e o chá branco apresentarem concentrações de taninos, que são substâncias que podem inibir a absorção dos outros nutrientes que ingerimos em nossa alimentação, é recomendado que estes chás sejam consumidos longe das principais refeições, para que não ocorra esse prejuízo na absorção dos nutrientes, principalmente do ferro. Além disso, pela presença de cafeína, é importante que esses chás sejam evitados ser consumidos a noite, para não prejudicar o sono. É importante também lembrar que pessoas com pressão alta devem consultar seu médico ou nutricionista, antes de consumir o chá verde, pois devido a presença da cafeína, pode promover um aumento na pressão sanguínea deste grupo.
Os chás podem ser preparados em uma quantidade suficiente para ser ingerido ao longo do dia, em quantidade suficiente, pois após 12h perdem suas propriedades funcionais. Porém, é importante lembrar que ele nunca deve ser reaquecido. Caso a preferência seja de seu consumo quente, é interessante que ele seja consumido então logo após o seu preparo.
A American Dietetic Association (ADA) sugere o consumo de 4-6 xícaras de chá verde ao dia, a fim de se obter os efeitos mencionados.
Modo de preparo
Calcule uma colher rasa do chá verde ou branco para cada xícara de água, quando a água estiver quase fervente quando começarem a levantar as primeiras bolhas de ar antes da ebulição. Coloque em um recipiente de vidro ou porcelana e deixe-o em infusão (abafar) por 3 a 5 minutos, Coe, despeje em uma garrafa e beba ao longo do dia. O ideal é não acrescentar adoçantes nem açúcares.

Comentários

  1. olá, após a leitura desse post interessante, tenho uma pergunta para vocês. Sou hipertensa controlada com medicação diária, faço exercício fisoco 5 vezes por semana e gostaria de saber então, como posso fazer a utilização desses chás.
    obrigada

    ResponderExcluir
  2. Boa Tarde, sobre sua dúvida mesmo você fazendo controle de sua pressão arterial, e exercícios diarios, há sempre que se tomar cuidado quanto a esse chás verde ou branco devido a alta concentração de cafeína, 1 xícara ao dia está bom, mas sempre que puder prefira por exemplo chás de camomila, erva-doce,erva-cidreira e evitando chá preto, chá mate.

    ResponderExcluir
  3. obrigada pela resposta, ok , vou dar preferência para esses outros que vcs recomendaram.
    bj

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Parkinson- Dia Mundial

Troque o Refrigerante por um Suco Natural

Romã e seus (muitos) benefícios