Chocolate! Qual seu tipo preferido?


Estamos na época mais doce do ano, a Páscoa. E quem resiste a um chocolate? Mas é preciso moderação no consumo dessas delícias, e hoje mostraremos as diferenças entre os tipos e as opções que tem no mercado.
O chocolate possui duas substâncias estimulantes: a teobromina e a cafeína, em uma proporção de 10 para 1, respectivamente. A teobromina estimula principalmente o sistema muscular, diferente da cafeína que é conhecida como estimulante do sistema nervoso central.
Saiba mais sobre os tipos de chocolate:
Ø  Chocolate ao leite: é uma mistura de massa de cacau e boa dose de leite em pó e açúcar;
Ø  Chocolate amargo: maior concentração de cacau e mínimo açúcar;
Ø  Chocolate branco: é feito da manteiga de cacau e não da massa. Por isso é mais gorduroso;
Ø  Chocolate em pó: é a amêndoa do cacau ralada destituída da manteiga de cacau. Quando é amargo chama-se cacau em pó, mas pode ser meio amargo e doce.
Ø  Chocolate diet: é ausente de açúcar, mas apresenta alto teor de gordura e é tão calórico quanto às versões normais.


Alimento (100g)
Kcal
Proteína
Carboidrato
Gordura
Chocolate ao leite
568
6,9
54,6
35,8
Chocolate amargo
537
4,3
63
29,75
Chocolate meio amargo
550
3,5
62,4
31,9
Chocolate em pó
326
9,5
81,6
4,2
Chocolate dietético
524
15,83
43,95
31,7
Chocolate branco
576
10
48,3
38,1



Chocolate para todos:
·      Cacau: rico em polifenóis, o chocolate amargo é indicado para quem precisa cuidar da saúde. Ele equilibra a pressão arterial, protege o coração e melhora a pele.

·      Soja: por ser rica em proteínas de alto valor biológico, contem aminoácidos essenciais e poder antioxidante. É um chocolate 100% vegetal, feito com extrato de soja, sem lactose ou glúten. O ovo de chocolate de soja é indicado para quem possui intolerância a lactose, alergia a proteína do leite de vaca ou doença celíaca.

·      Polidextrose: substituto do açúcar e gordura tem baixo índice glicêmico e baixa digestibilidade, possui efeitos similares ao das fibras solúveis. Auxilia no controle do peso corporal e reduz o risco de diabetes tipo 2. É indicado para quem está em uma dieta com restrição de açúcar e gordura.

·       Alfarroba: é uma vagem que após a trituração e torrefação resulta numa farinha que é utilizada como substituta do cacau. Com baixo teor de gordura (0,7%) e alto valor nutritivo por conter vitaminas B1, B2 e vitamina A. É indicado para os apaixonados por chocolate, mas que se preocupam com a        quantidade de gordura do cacau.

·       Orgânico: livre de agrotóxicos e agentes químicos, o alimento orgânico possui seus nutrientes preservados pela natureza e são ricos em minerais. Estudos relatam que eles são nutricionalmente superiores aos demais. O ovo de chocolate orgânico é para aqueles que preservam a natureza e querem aproveitar as delicias da época de páscoa.

·      Whey protein: proteína do soro do leite que auxilia no ganho de massa magra. Possui alto valor biológico e, estudos recentes mostram que elas possuem compostos que agem como anti-hipertensivos, antimicrobianos, reguladores da função imune e dos fatores de crescimento. O ovo com whey protein é indicado para praticantes de atividade física que não querem sair da dieta nessa páscoa ou pessoas que precisam de uma boa ajuda na recuperação muscular.

·       Diet: é a versão sem açúcar, portanto é indicado para pessoas que necessitam diminuir seu consumo, ou seja, com alteração de glicemia, seja por diabetes ou por resistência a insulina. Porém, deve-se ter um cuidado extra, pois essa versão costuma apresentar mais gorduras que os chocolates convencionais, tornando mais calóricos. Por isso não é indicado para quem quer emagrecer.

·       Açaí: excelente tônico natural, melhora a resistência e a disposição. Na dieta pode deixar a pessoa mais fortalecida, revigorada e saciada, o que proporcionara uma queima maior de calorias. Também ajuda na eliminação de resíduo pelo corpo e no ganho de massa magra. O chocolate com açaí é indicado para aqueles que querem energia de um modo mais saboroso.
Por que consumir chocolate?
Ø     Rico em vitaminas do complexo B, o que é ótimo para energia e é fonte de proteínas;
Ø  Possui ferro, fósforo, potássio e magnésio. Pode reduzir hipertensão arterial e produzir relaxamento muscular, diminuindo dores musculares e de cabeça;
Ø    Bom para os estudantes e idosos que precisam de concentração a mais, pelo fato de conter cafeína, estimulante do sistema nervoso central;
Ø   As substancias antioxidantes presentes (catequinas) auxiliam na redução de doenças cardiovasculares e células tumorais;
Ø  Ótimo para os atletas, por promover o efeito estimulante do sistema muscular devido à presença da teobromina.
Ø  Fonte de feniletilamina, precursora da serotonina, substância que dá sensação de prazer e bem estar.
Um dos pontos negativos mais importantes é o alto valor calórico. Portanto o consumo de chocolate deve ser moderado.
Feliz Páscoa para todos!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parkinson- Dia Mundial

Troque o Refrigerante por um Suco Natural

Romã e seus (muitos) benefícios