Nutrição no Triathlon


O triathlon é um esporte que inclui três modalidades desportivas: natação, corrida e ciclismo. É um esporte que exige muito do atleta, tanto físico como mentalmente.
A importância da nutrição no desempenho e desenvolvimento dos atletas já é comprovada. O triatleta precisa estar com ótimo perfil nutricional, baixo percentual de gordura e bom perfil antropométrico, isso garantirá melhor rendimento no esporte.
A dieta de um triatleta deve ser equilibrada e ter todos os nutrientes em níveis adequadas, macros e micros. O controle deve ser feito em todos os períodos da rotina do atleta, não só em época de competição. Durante os treinamentos a demanda energética aumenta, e por isso é importante adequar esse valor as necessidades do atleta. 
Devido ao grande esforço exigido pelo esporte, a valor energético ingerido pelo atleta é muito maior que algumas modalidades esportivas, isso depende também da intensidade do treino e da competição, e é importante distribuir durante todo o dia todas essas calorias que devem ser ingeridas.
Os carboidratos são fonte de energia, e seu consumo adequado proporcionará um treinamento mais satisfatório e sem lesões por falta de glicogênio.
As proteínas, principalmente de alto valor biológico, devem fazer parte da maioria das refeições dos triatletas. Mas esse consumo não deve ser exagerado, assim evitam-se futuros problemas de saúde. O organismo não absorve toda proteína ingerida, somente o que precisamos, e o que não precisamos é excretado.
Embora exista a preocupação em manter os níveis de gordura corporal baixos, é importante o consumo de gorduras, porém deve-se evitar alimentos gordurosos antes da competição ou treino.
A hidratação é de extrema importância, o consumo deve ser freqüente, durante treinamento, competição e descanso. A desidratação é a principal causa da necessidade de atendimento médico em provas de triathlon.
Recomenda-se a ingestão de líquidos com carboidratos após 1 hora de treinamento. E com sódio após 4 horas.
Dicas nutricionais para o triatleta
Ø  Manter-se hidratado, de preferência água, evite bebidas com cafeína e álcool;
Ø  Após os treinamentos pesados consumir bebidas ricas em carboidratos;
Ø  Evitar alimentos que causam gases, como feijão, repolho e refrigerante, antes das provas;
Ø  Evitar alimentos gordurosos antes e durante a prova;
Ø  Não consumir suplementos sem recomendação;
Ø  Antes das provas consumir alimentos com baixo índice glicêmico (de acordo com o recomendado pela nutricionista);
Ø  Montar programação de hidratação personalizada;
Ø  Consumir alimentos ricos em antioxidantes;
Ø  Após a prova consumir alimentos de alto índice glicêmico;
No triathlon, assim como em outros esportes, uma alimentação balanceada e personalizada proporcionará um melhor rendimento e mais saúde aos atletas.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parkinson- Dia Mundial

Troque o Refrigerante por um Suco Natural

Romã e seus (muitos) benefícios